Deborah Colker dirige “O Frenético Dancin Days”

Deborah Colker dirige “O Frenético Dancin Days” (Foto: Leo Aversa)

A história da icônica Frenetic Dancing´Days Discotheque, na efervescente Rio de Janeiro dos anos 70, chega ao palco do Guairão dentro da programação do Festival de Curitiba 2019. O musical “O Frenético Dancin Days” marca a estreia da bailarina e coreógrafa Deborah Colker na direção teatral. O produtor musical, jornalista Nelson Motta, um dos fundadores da lendária casa carioca, assina o texto ao lado de Patrícia Andrade. As apresentações serão nos dias 02 e 03 de abril, às 21 horas.


O musical resgata o clima de celebração da vida, de sentir a felicidade bater na porta ao contar a história da boate idealizada, em 1976, pelos amigos Nelson Motta, Scarlet Moon, Leonardo Netto, Dom Pepe e Djalma. Deborah Colker aceitou o desafio e fez sua estreia na direção teatral, além de assinar as coreografias, ao lado de Jacqueline Motta. “Esse musical é uma festa, as pessoas ficam enlouquecidas na plateia, parece que estamos mesmo voltando aos tempos da boate. É uma alegria imensa”, festeja Motta. “Eu sabia da potência, da força do Dancin´Days, de como ele mudou a cidade. A boate chegou com esse caráter libertário, lá as pessoas eram livres, podiam ser como elas são. Isso tem uma grande força política, social, filosófica, artística. Não há nada como o livre arbítrio, estar em um lugar onde você vai ser quem você é”, completa Deborah.

A superprodução conta com 17 atores e cinco bailarinos escolhidos através de audições, à exceção de Érico Brás (Dom Pepe) e Stella Miranda (Dona Dayse), uma das mais importantes atrizes de musicais do país, convidados especialmente para o projeto. “Estamos usando tecnologia de ponta e misturei elementos dos arranjos originais, que são clássicos presentes na nossa memória afetiva das pessoas, com ideias minhas e da direção, para chegarmos ao resultado final”, explica Alexandre Elias, diretor musical.

Dancin´Days foi inaugurada em 05 de agosto de 1976 e marcou a chegada da discoteca no país. Lady Zu, Banda Black Rio, Tim Maia, a pista da boate fervia. Rita Lee (ainda com o Tutti-Frutti), Raul Seixas, Gilberto Gil fizeram apresentações no local. “Eu adoro dançar, eu adoro dança, tudo que se movimenta. E para dançar você precisa de música. E música boa é a junção perfeita. E não tem como o Dancin´Days não ter isso, é uma música muito boa, é a melhor. É um iluminismo!”, celebra a diretora.

De garçonetes ao estrelato, As Frenéticas foram reveladas na Dancin Days e ficaram conhecidas para o Brasil ao cantarem o tema de abertura da novela homônima de Gilberto Braga. “As Frenéticas foram obra do acaso e, claro, do talento de seis garotas que eram atrizes desempregadas e no fim da noite, cantavam quatro músicas. Dancin lotava só para ver as Frenéticas, que se tornaram as rainhas da discoteca no Brasil”, relembra Nelson.

Apresentadores, patrocinadores e apoiadores
O Festival de Teatro de Curitiba tem parceiros fundamentais para sua realização e é apresentado pelo Banco RCI Brasil, com patrocínio da Junto Seguros, EBANX, Uninter GRASP, Cielo, Copel e Governo do Estado do Paraná.

Os eventos simultâneos – Programa Guritiba, Mish Mash, Gastronomix e Risorama -, igualmente, contam com o apoio de parceiros importantes para levar a arte, cultura e entretenimento ao público.

O Programa Guritiba é apresentado por Caterpillar e Perkins Motores, com patrocínio da Tradener Comercialização de Energia e tem como apoiadores as empresas Novozymes, New Holland, Mili e Savana | Mercedes-Benz. São parceiros também na realização do Guritiba a Berneck, Brose do Brasil e o BRDE.

O Banco RCI Brasil, Instituto Grupo Boticário e a Denso do Brasil apresentam o Mish Mash, evento que tem também o patrocínio da Unimed Curitiba e Rumo.

O Risorama é apresentado pela Potencial Petróleo e Restaurante Madero e patrocinado por Lojas Havan, FH, Ferramentas Worker e Sistema Fiep. O segmento de stand up comedy do Festival de Curitiba tem também o apoio do Grupo Barigui. A cerveja oficial do evento é a Cacildis.

O Gastronomix, por sua vez, é apresentado por Electrolux, tem o patrocínio da Melitta e o apoio da Electra Energy, Da Magrinha e da Ritmo Logística. Conta ainda com a Oxford como fornecedora da louça oficial do evento. Stella Artois é cerveja oficial do evento.


As bilheterias do Festival de Curitiba são uma parceria com o ParkShoppingBarigüi e o Shopping Mueller.

Ingressos
Os ingressos para os espetáculos em cartaz nos espaços administrados pelo Centro Cultural Teatro Guaíra (Guairão, miniauditório, Guairinha e José Maria Santos) estão disponíveis apenas pelo site e pontos de venda do Disk Ingressos. Os ingressos para as demais 1330 sessões seguem disponíveis nos canais oficinais do evento: pelo site (www.festivaldecuritiba.com.br), aplicativo “Festival de Curitiba 2019” e nas bilheterias físicas do ParkshoppingBarigüi (Piso Superior – Lado Norte) e Shopping Mueller(Piso L3).

Valores:
Mostra 2019 – De R$ 0 a R$ 70,00 (entrada inteira) + taxa administrativa
Fringe – De R$ 0 a R$ 60,00 (entrada inteira) + taxa administrativa

Serviço: bilheterias Disk Ingresso
Teatro Guaíra – Curitiba
Endereço: Rua 15 de Novembro.
Atendimento: 10h às 22h de segunda à segunda.

Shopping Estação
Endereço: Av. Sete de Setembro, 2775
De segunda a sábado, das 10h às 22h
Domingo, das 14h às 20h.

Shopping Mueller
Endereço: Av. Cândido de Abreu, 127
De segunda a sábado, das 10h às 22h.
Domingo, das 14h às 20h.

Shopping Palladium
Avenida Presidente Kennedy, 4121 – Lj3088
De segunda a sexta, das 11h às 23h.
De segunda a sábado, das 10h às 22h.
Domingo, das 14h às 20h.

Bilheteria Teatro Positivo – Curitiba
Endereço: Rua Prof. Pedro Viriato Parigot de Souza, 5300
De segunda a sexta, das 11h às 15h e das 16h às 20h.
Sábado, das 17h às 21h (caso haja eventos)

Shopping São José
Endereço: Rua Dona Izabel A Redentora, 1434
De segunda a sábado, das 10h às 22h.
Domingo, das 14h às 20h.
Call center: (41) 3315 0808, de segunda a sábado, das 9h às 21h. Domingo, das 9h ás 18h.

FICHA TÉCNICA
Texto: Nelson Motta e Patrícia Andrade.
Direção geral: Deborah Colker.
Direção Musical: Alexandre Elias.
Coreografia: Deborah Colker e Jacqueline Motta.
Cenografia e direção de arte: Gringo Cardia.
Desenho de luz: Maneco Quinderé.
Figurinos: Fernando Cozendey.
Visagismo: Max Weber.
Assistente de direção: Gustavo Wabner.
Colaboração artística: Toni Platão.
Produção de elenco: Cibele Santa Cruz.
Produção geral: Joana Motta.
Gerente de Produção Opus: Graziele Saraiva.
Direção de Produção: Renata Costa Pereira e Edgard Jordão.
Produção Executiva: Vanessa Campanari.
Realização: Irmãs Motta e Opus.
Elenco: Érico Brás (Dom Pepe) e Stella Miranda (Dona Dayse), Ariane Souza (Madalena), Bruno Fraga (Nelson Motta), Cadu Fávero (Djalma), Franco Kuster (Léo Netto), Ivan Mendes (Inácio/Geraldo), Renan Mattos (Catarino), Karine Barros (coro/stand in feminino), Larissa Venturini (Scarlet), Natasha Jascalevich (Bárbara), além das Frenéticas: Carol Rangel (Edyr de Castro), Ester Freitas (Dhu Moraes), Ingrid Gaigher (Lidoca), Julia Gorman (Regina Chaves), Larissa Carneiro (Leiloca) e Ludmila Brandão (Sandra Pêra).
Bailarinos: Edy Soares, Andrey Fellipy, Romulo Vlad, Julia Strauss, Elio Barbe e Thais Lírio.

Indicação: 12 anos
Dias 02 e 03 ABRIL ÀS 21 HORAS NO GUAIRÃO

No Comments Yet

Comments are closed

SIGA-NOS NO

[icon type=”fa-facebook” size=”icon-3x” url=”https://www.facebook.com/claudiacozzella” box=”true”] [icon type=”fa-twitter” size=”icon-3x” url=”https://twitter.com/claucozzella/” box=”true”] [icon type=”fa-instagram” size=”icon-3x” url=”https://www.instagram.com/portalacontececuritiba” box=”true”] [icon type=”fa-youtube” size=”icon-3x” url=”https://www.youtube.com/user/Tokdearte” box=”true”]

logo-beauty-tech